Arquivo da tag: deficiência

Uma carta de amor

Querida Alice, somos inseparáveis, eu e você. Nos passeios pelo jardim, para ouvir os passarinhos, economizo barulho e piso manso, para que você possa estender a escuta até onde a vista não alcança. Também nos aproximamos das flores, dos cheiros … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Outras palavras

De férias, admirávamos o cair da tarde aquarelado pelo inverno, quando um simpático garotinho se aproximou. Vinha se apresentar e convidar Alice para brincar de pique-esconde. Sorri em acolhida, enquanto a pequena piscava comprido, atendendo a outro convite que chegara … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Um sítio chamado família

Minha irmã assopra a agulha delicadamente para, em seguida, posicioná-la na primeira caixa do disco. Rodopios e chiados saem da vitrola. Repassamos todos aqueles LPs antigos, alguns muito familiares, como quem tira as memórias do arquivo. É nossa história ali, … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

É óbvio!

Alice está sentada em sua cadeira. De repente, curva-se. A cabeça pendida para frente, os braços espremidos à altura do abdômen, as pernas enrijecidas e esticadas. Silenciosa, ela se concentra. Vai escalando a própria força em sincronia com o franzir … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Dor do parto

A mexida em meu ventre foi intensa. Era preciso tirar a menina de sua morada, arriscado continuar ali. Anestesiaram meu corpo, mas a apreensão dava voltas na sala do hospital. Por mais cuidadoso que fosse o gestual da obstetra – … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , , , | 2 Comentários

Descompasso

Ao abrir a janela, o azul inteiriço inaugurou minhas retinas fatigadas. Era tanto céu que eu quis ter esperança. Era tão claro, que desdobrei o corpo e me pus de pé. Coloquei as incertezas para quarar e deixei-me conduzir pelo … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Família italiana

“Mamãe, acho que a Alice é muito triste…” disse meu sobrinho, num solavanco, à minha irmã. Ela, entre preocupada e curiosa, resolveu investigar. “Por que você acha isso, filho? Ela é tão cercada de amor!” “Porque ela não pode comer … Continuar lendo

Publicado em Posts | Marcado com , , | Deixe um comentário