André Rieu e a Galinha Pintadinha – por Luciana Thomsen

Hoje é dia da segunda história da série comemorativa pelo aniversário de minha filha Alice.

O relato foi enviado pela Luciana Thomsen, que lançou mão do bom humor e da lucidez para colocar a ansiedade e a expectativa em seus devidos lugares. Porque o mundo, além de amoroso, precisa nos possibilitar rir da gente mesmo, não é?!

Obrigada, Luciana!

MATHEUS E ANDRÉ RIEU
Assistindo à atração André Rieu e sua orquestra pela televisão, me surpreendo vendo Matheus totalmente absorto e boquiaberto olhando para a tela. Parecia que nem respirava enquanto eram executadas diversas músicas clássicas.

Orgulhosa, pensei: – Puxa, Matheus está admirando música clássica. Como é que eu nunca pensei em colocá-lo numa escola de música? Ele é tão entoado. Deve ter um dom… Será que aceitam matrícula de crianças com 2 anos? Será que as escolas de música de Sete Lagoas são boas? Não conheço nenhuma. Amanhã mesmo pedirei indicação. Quem será que ele puxou? Meu pai gostava muito de música clássica e a mãe do Lu é muito boa de ouvido. Ele pode começar com teclado… não, não, crianças começam com flauta doce…

Nisso, Matheus se vira para mim e fala:- Mamãe.
Eu, babando de tanta felicidade, respondo: – Oi, meu filho?
E ele: – Eu quero “A Galinha Pintadinha”…

Esse binômio ensino-aprendizagem é magnífico e a ordem é essa: Matheus vai ensinando e eu vou aprendendo.

Anúncios
Esse post foi publicado em diário da mãe da alice e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s